quarta-feira, 23 de novembro de 2011

"A Lei da Semeadura"

Algo chamou minha atenção durante essa semana, diversas pessoas na escola, na igreja e até mesmo na minha casa diziam constantemente: O melhor de Deus está por vir ou A colheita está quase pronta. E ao ouvir aquilo ficava feliz por perceber a fé que elas possuíam, mas depois de um tempo comecei a pensar o porque de ninguém estar colhendo ainda os frutos de suas sementes. 

Ageu 1:6-10

 "...semeais muito e recolheis pouco, comeis mas não vos fartais...Por que? Por causa da minha casa, que está deserta e cada um de vós corre a sua própria casa"

            Assim que nos convertemos de nossos caminhos e aceitamos Jesus Cristo como nosso único Salvador, tinhamos em nossa mente que nada mais nos faltaríamos; a nossa provisão , os nossos sentimentos e tudo mais seria mantido por Jesus...e temos visto o cumprimento de Sua palavra fielmente. Agora você pergunta, e então por que não tenho colhido plenamente o que Deus me prometeu?
            Quando nos entregamos a Jesus fizemos uma aliança com Ele; aliança de fidelidade, humildade e lealdade, como é feito em um casamento, nos comprometendo em estar firmes na alegria e na tristeza, nos tempo de crise e nos tempos de abundancia. Mas nem sempre nós honramos com essa aliança, com o passar do tempo, pensamos que não precisamos ser tão radicais, e que Deus estará conosco mesmo quando nós não estivermos com Ele.
             O povo de Israel sempre será referencia de infidelidade, pois bastava um pouco mais de sol no deserto para eles se voltarem a outros deuses e esquecerem da casa do Pai, tratavam de cuidar de suas próprias casas e seus interesses e rompiam com a aliança feita, pensando que estava tudo bem. O livro de Ageu trata da reconstrução do tempo e como o povo de Deus estava desinteressado naquela época.
             Como um agricultor que planta e passa um longo período esperando a colheita assim somos nós, mas muitas vezes temos plantado em terrenos errados, fora da presença de Deus, temos consumido nosso tempo no trabalho, na escola, em casa, e temos esquecido que não adianta fazer nada se DEUS não for na frente para nos guiar.
              O nosso suor, nosso esforço, nossas lágrimas não produzirão efeito de mudança se nossas açoes (sementes) nao estiverem sendo depositadas no terreno da vontade de Deus. Portanto, se você não está colhendo, 
                                                   PARE e REFLITA!
Em que terrenos tem depositado suas sementes? Está sendo realmente fiel a aliança feita com Deus?

2 comentários:

  1. amem, q sempre possamos esperar a semente frutificar e nunca desistir! bjs =)

    ResponderExcluir